Politica

02/03/2020 11:51

Primeira-dama lidera ações a favor das pessoas com Transtorno do Espectro Autista

Luana Braga | Secom/MT

O governador de Mato Grosso, Mauro Mendes, e a primeira-dama, Virginia Mendes, reuniram-se, na última sexta-feira (28.02), na sede do Palácio Paiaguás com pais e representantes de pessoas com TEA - Transtorno do Espectro Autista. O encontro teve o objetivo de discutir as principais demandas da classe e fortalecer as ações de governo a favor da causa.

Participaram do encontro a presidente da Ong Ação Azul, Juliana Fortes, a presidente da Associação de Pais e Amigos do Autista de Cuiabá, Kelly Cristina do Nascimento, a presidente da Associação dos Amigos dos Autistas e da Criança Deficiente do Estado de Mato Grosso, Helena Glaziela Barbieri Amaral, e a coordenadora do projeto Autismo na Escola, a psicóloga Erika Barbieri Rezende, além de pais, responsáveis e apoiadores da causa.

Christiano Antonucci

Sob a liderança de Virginia Mendes, o tema foi amplamente discutido com a presença de importantes lideranças. Participaram o secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, a secretária de Assistência Social e Cidadania, Rosamaria de Carvalho, a secretária de Educação Marioneide Kliemaschewsk, o secretário de Estado de Saúde Gilberto Figueiredo, a superintendente de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência, Tais Aminata, como forma de desenvolver um planejamento macro e intersetorial, em defesa das pessoas com autismo e atenção especial aos pais e responsáveis.

Sensível a causa e engajada de maneira voluntária nos projetos de governo a favor das famílias mais carentes, Virginia Mendes abraçou o movimento e foi convidada para ser madrinha, atuando em defesa do fortalecimento de políticas públicas, em benefício dos autistas.

Christiano Antonucci

Entre as pautas debatidas na reunião estava o Projeto Autismo na Escola, capitaneado pela psicóloga Érica Rezende Barbieri. A primeira-dama já se articula junto a Seduc para difundir a cartilha produzida pelo projeto, de cunho informativo e de sensibilização à todas escolas da rede pública estadual, com palestras voltadas aos professores e especialmente aos alunos.

“Fizemos o convite para primeira-dama Virginia Mendes no final do ano passado para ser madrinha do nosso projeto pelo seu comprometimento com as causas sociais e pelos resultados concretos que ela apresenta em tudo que se propõe a fazer. Mas não imaginávamos que teríamos um retorno tão rápido. Tinha que ser realmente pelas mãos dela e nós só temos a agradecer por todo empenho e dedicação”, relatou Érica, durante o encontro.

Christiano Antonucci

A primeira-dama Virginia Mendes destacou que um dos pontos principais a serem trabalhados com o projeto será o combate ao preconceito. “Ninguém nasce preconceituoso, as pessoas se tornam, por isso queremos iniciar pelas crianças e adolescentes nas escolas estaduais, ensinando desde cedo sobre amor, igualdade, inclusão e generosidade. Assim iremos chegar até aos pais e combater este mal que causa tanta dor dentro das famílias com filhos e pessoas autistas. Há muita desinformação sobre o tema ainda”, destacou.

Na oportunidade, a secretária da Setasc apresentou uma série de ações já desenvolvidas e programadas a favor da causa, dentre elas a carteirinha dos autistas, projeto de Lei de autoria do deputado estadual Sebastião Rezende, já sancionado pelo governador e que está em fase de concretização numa ação conjunta com a secretaria de Estado de Saúde.

“Estamos programando o lançamento dessa carteirinha, que será mais uma ferramenta para facilitar e assegurar os direitos das pessoas com Transtorno do Espectro Autista, para o mês de abril, data marco de conscientização sobre a doença, assim como outras ações em valorização ao trabalho que as associações e Ongs já desenvolvem”, informou a secretária Rosamaria Carvalho.

Christiano Antonucci

Conforme o secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo, outra importante ação que será realizada por parte do Governo do Estado será a elaboração de um protocolo para recepção, atendimento e acolhimento das pessoas com autismo, bem como outros tipos de deficiência.

“Melhorar o atendimento e a prestação de serviços na área de saúde é o que nos norteia desde o início da gestão Mauro Mendes, que tem o olhar sensível da primeira-dama Virginia Mendes com apontamentos, sugestões e até cobranças pertinentes”, destacou Gilberto. 

Christiano Antonucci

Outra pauta apresentada pelas entidades no ano passado e que já avançou por parte do Governo do Estado é em relação ao projeto de Lei, que trata da redução da carga horária de trabalho aos servidores públicos do Governo do Estado que possuem filhos, cônjuges ou outros dependentes com deficiência, como forma de permitir um acompanhamento mais próximo.

“Temos uma equipe já debruçada na análise dessa matéria para que, de fato, seja enviado em breve para Assembleia Legislativa um projeto de Lei sem impeditivos legais”, adiantou o secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, relembrando que a Lei criada anteriormente possuía vícios de origem e há uma Ação Direta de Inconstitucionalidade sobre ela.

Christiano Antonucci

Comprometido com o desenvolvimento de Mato Grosso como um todo, o governador Mauro Mendes destacou seu empenho para garantir ainda mais respeito, inclusão e oportunidades às crianças e adultos com autismo e outros tipos de deficiência.

“Como um pai que ama e que cuida dos seus filhos, eu preciso e fui eleito para gerir o Estado de Mato Grosso como um todo, com um olhar especial aos que mais precisam do apoio do poder público. Esse é o caso das pessoas com autismo e qualquer tipo de deficiência. Todos os direitos precisam ser assegurados e temos muito a avançar nesse sentido”, pontuou.

Christiano Antonucci

Ao lado do governador Mauro Mendes nessa caminhada, a primeira-dama ouviu a todos e, emocionada, pediu o envolvimento total do Poder Executivo no combate ao preconceito que ainda existe contra os diversos tipos de deficiência e celeridade nas tratativas a favor das famílias com casos de autismo.

“Precisamos atuar de forma conjunta para assegurar os direitos dessas famílias e possibilitar a melhoria na qualidade de vida das nossas crianças e adultos com autismo ou qualquer outra deficiência. Fico muito honrada com o convite para ser madrinha desta causa e vou me empenhar para proporcionar ações que avancem contra o preconceito, a favor da ampliação e oferta de terapias e atividades de estímulo e desenvolvimento a estas crianças. Já sabemos que quando os tratamentos iniciam desde cedo é possível assegurar que elas tenham uma melhor qualidade de vida”, destacou Virginia Mendes


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo